ESPAÇO HENRIQUE MORAES – TERESÓPOLIS – RJ

CRISE ECONÔMICA: BOM MOMENTO DE AQUISIÇÃO,

PARA AQUELES QUE PODEM.

7 22

Dizem os especialistas que o carro antigo teve uma valorização acima do esperado nos últimos anos, muito por conta do que vem acontecendo com o antigomobilismo. Realmente tivemos um número crescente e expressivo de entusiastas, que impulsionaram e mudaram o mercado. Sendo assim, financeiramente falando, foi muito bom para os antigomobilistas que já possuíam seu exemplar ou sua coleção. Já abordamos aqui o assunto precificação dos carros antigos, com alguns critérios, teorias e fatores que influenciam no seu memorial de cálculo.

6 28

Hoje, porém, temos um cenário muito diferente. Estamos atravessando uma das piores crises econômicas que o Brasil já teve. Levando-se em consideração que o antigomobilismo é um hobby e que os carros antigos são vistos também como investimentos financeiros, vale ressaltar que certamente houve uma queda nos valores destes carros, mesmo tornando-se mais raros a cada ano. Economicamente falando, são considerados como moedas de liquidez “imediata”, no momento da necessidade. Mas, neste caso, liquidez imediata pode não ser uma venda com um bom retorno do investimento. E, basicamente, é o que vem acontecendo. Começamos a ver muitos carros antigos à venda. Os preços ainda altos, mas abaixo do que já esteve. Famosa lei da oferta e procura. Basta olharmos os sites de anúncios de carros antigos.

8 16

2 30

O mercado é assim, alguém precisa perder para outros ganharem. Carro parado na garagem e necessidade financeira “batendo a porta” não combina com o correto.  Melhor vender o bem móvel, carro antigo, mesmo com muita dor no coração, do que colocar em risco a saúde financeira da família, do negócio ou de ambos. Neste caso, o valor sentimental termina quando a necessidade financeira adentra a garagem.

Considero o carro antigo com excelente investimento, pois além da valorização que sempre haverá, seja em maior ou menor proporção, temos o grande prazer de possuí-los e colocá-los a serviço das nossas pretensões de lazer e entretenimento. Eu, particularmente, tenho sérios problemas com a venda, pois erroneamente, sei lá, me apego aos carros. Todos os meus carros são ligados a mim por algumas histórias de vida. Odisseu, o Fusca, foi meu primeiro carro. Trovão Azul l, o Passat GL, está comigo há vinte um anos, sendo o carro que eu tinha quando conheci minha esposa e que carregou meus filhos para casa quando nasceram. E por aí vai… Significa dizer que tenho minhas paixões, que como todas, podem se tornar doloridas em momentos de perda.

3 36

Mas, como sempre utilizo este espaço humildemente tentando melhorar nossas pessoas, logicamente muito me incluindo, procurando trazer um pouco de informações simples e cotidianas de nós, pobres mortais, além do grande prazer e entusiasmo em homenagear nossos carros antigos, mas principalmente nossos homens de boa fé, deixo aqui minha mensagem de que o momento é muito complicado para o nosso País, mas como sempre foi e será, precisamos continuar nossos trabalhos de formigas, carregando, batalhando, sorrindo, ajudando, modificando, exercendo nossos deveres e direitos, enfim, continuarmos sendo brasileiros, isto é: “não desistirmos nunca”!

Infelizmente atravessamos e lutamos uma guerra denominada corrupção, onde me sinto um agente passivo em sua formação, mas extremamente ativo na sua abolição ou, na realidade, no seu aniquilamento. Sim, este mar de lamas muito tem atrapalhado o antigomobilismo, haja vista a queda de investimentos do poder público e da iniciativa privada nos eventos pertinentes. Está cada vez mais difícil realizar qualquer evento. Uma pena! Vamos vencer esta guerra, pois os verdadeiros guerreiros somos nós.

1 28

4 31

5 29

Não temos as conhecidas e infelizes guerras declaradas em nosso Brasil, mas não conseguimos mensurar, portanto contabilizar nossas baixas diárias, abatidas pelo mais alto calibre desta arma cruel e giratória, velada nos calabouços dos corruptos e seus corruptores. Calabouços, exatamente locais apropriados para ratos. Uma comparação ruim, pois o afamado animal tem suas serventias.  Aliás, não se enganem, pois muitos corruptos se utilizam do antigomobilismo e nas vaidades deste meio. Por isto, nunca me embriaguei com os vaidosos, pois a chance de decepção é imensa. O que há por trás de cada coisa sempre será um mistério.

Prezados amigos desejo-lhes uma grande batalha contra estes infelizes malfeitores, mas com muita fé nos homens e, principalmente em Deus, aproveito a ocasião para alegre e esperançosamente publicar meus votos de uma excelente Páscoa para todos.

Ferrugem nas veias e pé na tabua! Vamos ao trabalho.

SAUDAÇÕES A TODOS!

HENRIQUE MORAES

Sobre o autor

Márdel

Posts publicados por:Márdel

Seu Comentário